Via Fãs da Psicanálise

Reconhecer um psicopata pode lhe trazer paz. Digo isso pois muitas vezes convivemos com alguém que se mostra alienado às emoções mais rotineiras como: medo, piedade, aflição e até mesmo dor.

Este é um modo muito mais fácil para que se perceba em uma pessoa os sinais da psicopatia, pelo menos é o que dizem os resultados de uma análise de histórias contadas por 14 assassinos psicopatas nas prisões canadenses. Eles foram comparados com 38 assassinos condenados que não eram psicopatas. Cada criminoso falou sobre seu crime em detalhes e, em seguida, as palavras que usaram foram analisadas.

Aí ficou fácil para o estudo determinar que os psicopatas em uma conversa chegam a usar  palavras relacionadas com sexo, comida e dinheiro duas vezes mais que aqueles que não são psicopatas.

Uma coisa também ficou clara, os psicopatas não costumam usar palavras relacionadas com a família, a religião e as necessidades sociais. Percebeu-se que entre os psicopatas, palavras que refletem um egoísmo excessivo, desprendimento e apatia emocional são as mais usadas.

Somam-se à palavras relacionadas com dinheiro, sexo e comida, explicações detalhadas sobre o crime que esses psicopatas cometeram, mas fique atento aos detalhes pois pessoas com a personalidade ligada à psicopatia usam muitas palavras explicativas como: ‘porque’, ‘uma vez’ e ‘para que’.

O primeiro autor do estudo, o professor Jeff Hancockdisse afirmou que “os trabalhos feitos anteriormente analisaram como os psicopatas usam a linguagem. Já esse novo estudo é o primeiro a mostrar que você pode usar ferramentas automatizadas para detectar os padrões de fala distintos de psicopatas.”

Sabendo essa particularidade, abra seus ouvidos e fique atento às palavras usadas por aquela pessoa que você já tem motivos para enquadrá-la como um possível psicopata.

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS