Saber o que acontece com você neste exato momento, é sem dúvida o “appointment” do dia.

Se você tiver a percepção certa, o que depende do conhecimento correto, você saberá onde ir, o que fazer.

Como ter esse conhecimento:

Necessário compreender como ocorrem as emoções. Por que você “emocionaliza” tudo ou quase tudo.

Um exercício importante é apenas observar novamente a ocorrência. Talvez, mais uma vez. Você verá que grande parte do contexto, não diz respeito a você. Diz respeito ao autor do estrago. Mas, infelizmente o dano atingiu você em cheio.

Antes você fazia visitas vagas ao agora. Com as técnicas corretas, você estará no agora.

O passado sempre atrapalha. Se foi bom, gera saudosismo, melancolia. Se foi ruim, gera mágoa, ressentimento. A cortina do passado deve ser aberta apenas para agradecer pelo desenvolvimento.

O chegar até aqui, passa pela estrada do passado, indubitavelmente.

Vamos então a algumas dicas rápidas do método por mim desenvolvido, e empregado em nossas oficinas de meditação:

– Como fazemos é sempre mais importante do que o que fazemos. Então, solte a ação de si mesmo. Desapegue dos resultados. Apenas faça o melhor que puder. Fazer o seu melhor, é sempre lucro.

-Refira-se ao passado, apenas quando ele for relevante para o presente. Tanto para o seu crescimento como para ajudar alguém.

– Quebre a roda do “e se ” Essa roda é garantia de desequilíbrio. Trata-se de um passado e um futuro imaginários.

– Se você aprender a encontrar satisfação e auto perdão no tempo presente, da próxima vez que alguém atrasar um pouco e lhe pedir desculpas, você dirá: “Está tudo bem, estava um pouco em minha companhia e foi ótimo”.

Chris Buarque
Terapeuta holística Naturopata
Especialista em Ayurveda e Medicina chinesa
Professora em cursos de graduação e pós graduação de Naturologia e Yoga no Brasil, Argentina Chile e Uruguai.
[email protected]

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS