1. O tempo que você passa preparando uma refeição para seus filhos, é inversamente proporcional ao tempo que eles a rejeitarão.

2. Quanto mais caro for o brinquedo, por menos tempo eles se interessarão em brincar.

3. Fenômeno sobrenatural: a roupa para lavar que nunca acaba.

4. Quando você estiver no ponto crucial de um caminho que não há tempo para retorno, você se lembrará do presente de aniversário do coleguinha de classe que esqueceu em cima da mesa de jantar.

5. No momento em que você estiver tomando banho você escutará uma criança bater desesperadamente na porta, gritando “Mãeeeeee”, e num primeiro momento você vai fingir que não está escutando, mas dois segundos depois você vai… abri-la.

6. Você vai simplesmente dobrar roupas “que eles ficam em casa”, sem nenhum peso na consciência por sequer pensar em passá-las.

7. Seu filho vai dormir melhor dois minutos antes de sair de casa. Ou no carro, quando está chegando ao destino.

8. Seu filho vai começar a reclamar que quer fazer o número 2 em algum lugar absolutamente improvável, como dentro do carro por exemplo, na hora do rush.

9. Silêncio é ouro, se você não tem filhos. Com filhos, silêncio é suspeito.

10. Nada está perdido, até que a mamãe ache.

11. Você vai se flagrar dizendo coisas para seu filho como “Falou oi para Fulana?”

12. Seu nome é Mãe. Seu apelido Mãe-mãe-mãe-mãe-mãe-mãe.

13.“ Por quê existe o ar?” e “Como são feitos os tratores? ”, serão algumas das perguntas que você enfrentará às 7 da manhã de um sábado chuvoso.

14. Ser mãe é como dobrar um lençol de elástico: ninguém realmente sabe como.

15. Mães sofrem quando filhos fazem exames de sangue.

16. Maus momentos não fazem más mães.

17. Seu filho será sua melhor aventura.

18. Seu filho será a cola que manterá tudo unido quando você achar que está desmoronando.

19. Quando você olhar pro seu filho pela primeira vez, você vai pensar algo como “ Aí está você, estava te procurando”

20. Você vai se pegar encolhida olhando pro seu filho arrastando a mochila da escola, e vai pensar: cadê aquela criança?

21. Você vai ter abraços de graça, beijos grudentos e mãos pequenas ao redor do seu cabelo,.

22. Você vai rir, na maioria do tempo.

23. Você vai chorar, muitas vezes de emoção.

24. Você vai presenciar olhos brilhantes aprendendo pela primeira vez.

25. Você vai contemplar as pintas do seu rosto e o tom vermelho das bochechas quando correm.

26. Você vai se reconhecer em alguns momentos naquela criança, querendo ou não.

27. Você vai querer congelar o tempo.

28. Você vai ter uma dose extra de força.

29. Você vai ganhar um novo e leal amigo.

30. Se você acha que pode ser uma mãe perfeita, melhor acreditar em unicórnios também.

E você vai ter milhares de últimas vezes, enquanto seu filho cresce.
Um dia você vai alimentar seu bebê pela última vez.
Um dia você vai carregá-lo pela cintura enquanto faz o jantar, pela última vez.
Um dia a porta do banheiro estará fechada.
Um dia não vão mais chamá-la pra combater os monstros do pesadelo,
Muito menos para ajudar a pôr os sapatos;
Apertar suas mãos enquanto atravessam a rua.
Um dia você vai cantar pela última vez aquela canção, antes de ser “boba”
Assistir aquele desenho agarrado no sofá, antes de ser “chato”
Um dia você vai ouvir uma voz diferente da voz da sua criança,
E você nem vai perceber que esse dia vai chegar, porque é assim que acontece;
Não se preocupe com tantas coisas pequenininhas,
A vida passa tão depressa e é um sopro,
O amanhã bate palmas no portão,
Aproveite seu filho agora,
de perto.
E se por acaso estiver perto,
Fique mais perto.
Ele é o seu coração.

Vanessa Karla Lima – Navio de Mãe

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS