Cura Gay – “Não existe cura para o que não é doença” por Leandro Karnal

0
275

Leandro Karnal (São Leopoldo, 1º de fevereiro de 1963) é um historiador brasileiro, atualmente professor da UNICAMP na área de História da América. Foi também curador de diversas exposições, como A Escrita da Memória, em São Paulo, tendo colaborado ainda na elaboração curatorial de museus, como o Museu da Língua Portuguesa em São Paulo.



Graduado em História pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos e doutor pela Universidade de São Paulo, Karnal tem publicações sobre o ensino de História, bem como sobre História da América e História das Religiões.

Inline

Enxergar doença na diferença é um sinônimo de atraso intelectual. Isso assusta-nos, sobretudo quando advém de profissionais que, ao menos em tese, deveriam estar preparados para lidar com esta diversidade. Recentemente, ao julgar uma ação ajuizada por uma psicóloga, um juiz federal do Distrito Federal autorizou que se fizesse um procedimento de “cura” da homossexualidade. A chamada “cura gay”. É sobre esse retrocesso que comenta o professor Leandro Karnal. Confira.

Anúncios